fbpx

6 práticas eficientes na contratação de temporários

Seja para reforçar o quadro de funcionários durante épocas sazonais, como Páscoa ou Natal, ou para cobrir licenças e afastamentos de colaboradores fixos, a contratação temporária é um recurso muito valioso para qualquer empresa, independentemente do ramo de atuação. 

Mas antes de sair recrutando pessoas por aí, é importante se atentar a alguns fatores para que essas admissões sejam, de fato, positivas para o negócio. Por isso, preparamos um conteúdo completo com as 6 práticas mais eficientes na hora de contratar temporários. Para conferir, continue a leitura! 

O que é uma contratação temporária?

Para te introduzir no assunto, primeiro, vamos explicar o que é uma contratação temporária. 

Basicamente, esse tipo de contrato é um recurso no qual uma empresa, por intermédio de uma agência especializada, seleciona profissionais para atuar dentro de um tempo específico. De acordo com a lei que rege a prática, os contratos podem ser de, até, 180 dias, com prorrogação por mais 90 dias, se for do interesse da empresa contratante. 

A importância dos contratos temporários para empresas e funcionários

Todos os dias, empresas buscam melhorar suas performances em busca de mais resultados. Mas, em tempos de crise como o que estamos passando, com uma pandemia global e as incertezas econômicas do país, muitas vezes não é possível fazer um investimento pesado no recrutamento e seleção de profissionais fixos. 

Sendo assim, a contratação temporária torna-se a alternativa mais viável para quem precisa de mais colaboradores, mas não pode arcar com esse custo a médio e longo prazo. Nesse ponto, ter um funcionário por um tempo determinado ajuda a aumentar a produtividade e o rendimento da equipe, sem impactar tanto no lado financeiro. 

Esse é um dos maiores atrativos para que organizações optem por esse tipo de contratação, mas as vantagens não se restringem apenas para quem recruta. O funcionário selecionado, muitas vezes, está em busca de uma oportunidade para retornar ao mercado de trabalho. Assim, ter acesso a uma vaga, mesmo que temporária, pode viabilizar esse retorno, dando possibilidades até de uma possível efetivação após o encerramento do contrato. 

Como fazer contratações mais eficientes?

Para que uma contratação temporária seja eficiente, alguns pontos precisam ser levados em conta. Dar atenção a eles significa garantir o sucesso da contratação e também da estratégia empregada para o negócio. 

Então confira a seguir 6 dicas que vão te ajudar a aumentar a eficiência das contratações temporárias dentro da sua empresa. 

 

1 – Conheça bem a legislação

Antes de optar por contratar mão de obra temporária, é essencial entender como esse estilo de trabalho funciona. Para isso, conhecer a legislação que rege essa prática e todos os seus pormenores vai te ajudar a ter uma visão mais ampla de como usar esse tipo de contratação da forma certa. 

Entender a lei e cumpri-la à risca vai proteger a sua empresa de qualquer transtorno futuro e ainda garantir a segurança de quem irá trabalhar com você. 

2 – Defina uma estratégia

A contratação temporária traz vantagens para qualquer negócio, mas, sem uma estratégia bem definida, seguir com essa modalidade de trabalho pode não trazer o resultado esperado. 

Então, antes de procurar por funcionários temporários, tenha em mente qual o objetivo dessas contratações e como elas poderão beneficiar sua empresa enquanto estiverem atuando junto a seus colaboradores. 

Pense também em todos os investimentos financeiros que deverão ser feitos para viabilizar cada contratação e nas funções que essas pessoas terão de ocupar. Dessa forma, será  possível tangibilizar qual o volume produtivo você terá e como isso poderá agregar na estratégia que foi definida. 

3 – Selecione uma boa agência

No Brasil, qualquer contratação temporária precisa, obrigatoriamente, ser feita por meio de uma agência que seja especializada no assunto e tenha credenciamento no MTE, Ministério do Trabalho e Emprego. 

Contar com uma agência séria e consolidada colabora para a qualidade do recrutamento e seleção dos candidatos, além, claro, de contribuir para evitar problemas no futuro. 

É importante salientar que a agência contratada fica responsável por selecionar as pessoas e também pode gerir toda a parte burocrática envolvida no processo. Então, lembre-se disso na hora de escolher a agência que fará as contratações para sua empresa.

4 – Acompanhe as etapas de seleção

Não é porque a seleção é feita por uma agência parceira que você deve ficar de fora dessa etapa. Muito pelo contrário! Acompanhar de perto todo o processo de recrutamento e seleção vai ajudar muito para selecionar as melhores opções de acordo com seu negócio. 

Por isso, se envolva no processo e acompanhe de perto todas as etapas para garantir que os profissionais selecionados sejam os que sua empresa precisa. 

5 – Estabeleça o perfil do candidato ideal

Seguindo a dica 4, também é imprescindível que você mapeie o perfil do candidato ideal e informe todos os detalhes possíveis para que a agência possa selecionar os perfis mais aderentes. 

Esse mapeamento é uma etapa crucial, por isso, faça-o com calma e planejamento. Você pode incluir um tipo de área de atuação específica, uma formação complementar ou até a inclusão de idiomas para a vaga pretendida. Tudo vai depender do cargo a ser preenchido e, claro, da estratégia que você definiu quando optou por seguir com a mão de obra temporária. 

6 – Conte com o apoio da tecnologia

Assim como acontece em diversas atividades do nosso dia a dia, o uso da tecnologia dentro de um processo de seleção também se tornou fundamental. Ter um processo bem estruturado e automatizado torna o processo mais eficiente e rápido. 

Com o TAQE, por exemplo, você pode aumentar a eficácia de seus processos atuais, além de criar um banco de talentos com os candidatos já triados para futuras contratações. Agende uma demonstração gratuita e veja como melhorar as contratações para sua empresa. 

E aí, gostou das dicas? De fato, optar por funcionários temporários não é uma tarefa tão simples, mas, com conhecimento, atenção aos pontos abordados aqui e apoio dos parceiros certos, tudo se tornará mais fácil. A contratação de temporários já é uma tendência, pense no seu negócio e veja qual a melhor forma de usá-la dentro da sua empresa.