fbpx

4 dicas para contratar temporários em operações logísticas

Datas sazonais como o Natal, a Páscoa e o Dia das Mães, por exemplo, são excelentes períodos de vendas para o comércio. Sites, grandes varejistas e muitos outros estabelecimentos se preparam para o elevado número de pedidos e, consequentemente, o aumento de todo o fluxo que envolve uma venda – que contempla desde a confecção do produto até a entrega na casa do consumidor. 

Nesse contexto, é muito importante reforçar os times a fim de garantir o sucesso de toda a cadeia de produção. Um deles é a logística. A contratação temporária de mão de obra para a área logística pode ser uma grande aliada para reforçar o quadro de funcionários sem impactar nas finanças da empresa a médio e longo prazo. 

Por isso, hoje, vamos falar um pouco sobre como funciona a contratação do trabalho temporário e de que forma é possível usar esse recurso nas operações logísticas da  empresa. Continue sua leitura e aproveite as dicas! 

Contratações temporárias para o setor de logística

O setor logístico é uma área que exige bastante atenção e cuidado dentro de uma empresa. Afinal de contas, de nada adianta ter um bom site na internet, um marketing bem alinhado, plataformas e servidores potentes, vendedores e produtos de qualidade se a mercadoria não chega nas mãos do cliente. 

Reforçar a logística de uma empresa com trabalhadores temporários pode ser um bom recurso para aumentar a capacidade operacional do time, mas, antes de sair em busca de reforços, é essencial entender o que é a contratação temporária. 

Em resumo, um contrato temporário é aquele em que o funcionário é recrutado por um tempo determinado, cumprindo as mesmas funções e deveres dos demais colaboradores da empresa. De acordo com a legislação, a pessoa que for contratada como temporária pode atuar por até 180 dias. Esse prazo, inclusive, pode ser postergado por mais 90 dias, se for de interesse da empresa.

Além do prazo de atuação pré-estabelecido, a contratação temporária garante ao trabalhador direitos, como:

  • Salário compatível com o que os funcionários fixos recebem;
  • FGTS;
  • Férias proporcionais;
  • Adicional noturno, se houver atuação que justifique o recebimento do mesmo;
  • Horas extras.

O recrutamento e a seleção dos profissionais temporários precisa ser feito por uma agência especializada e credenciada junto ao MTE, Ministério do Trabalho e Emprego. Essa agência vai ser responsável por fazer a conexão entre a empresa contratante e os contratados, gerindo os pagamentos dos benefícios, salário e também todas as questões burocráticas envolvidas no processo de admissão e gestão de pessoas

Pensando no setor logístico e em todos os pontos que envolvem a contratação de funcionários temporários, é primordial que a empresa interessada faça um levantamento da sua atual capacidade de produção e como essas pessoas vão, de fato, agregar de forma positiva no negócio, evitando contratações desnecessárias e até desperdício de recursos e talentos

Como contratar temporários para a logística de uma empresa?

Pensando em facilitar a entrada de profissionais temporários e fazer com que cada contratação seja a mais eficiente possível de acordo com os objetivos e com a estratégia da empresa, trazemos abaixo 4 dicas simples que podem ser usadas na hora procurar funcionários temporários. 

Elas não são regra absoluta, mas provavelmente vão te guiar na busca e seleção de pessoas de forma assertiva, desejo de todo negócio. Confira!

Dica 1: Pense na quantidade de mão de obra temporária que sua empresa vai precisar

Antes de iniciar a busca por uma agência para fazer suas contratações, é importante entender o cenário atual da sua empresa e qual será a estratégia empregada na captação e uso de temporários. 

Mapear esses pontos para metrificar a melhor maneira de uso desse recurso em benefício da organização vai contar muito na hora de avaliar os custos e ganhos, além de deixar bem mais simples a decisão sobre a quantidade ideal de pessoas que devem ser contratadas. 

Dica 2: Fique atento ao tempo para as contratações serem feitas

Alinhar o timing perfeito nem sempre é possível, mas não deixe de estimar em quanto tempo você precisa que os funcionários temporários iniciem suas atividades. Essa etapa é primordial dentro do processo de contratação, já que impacta diretamente no ganho de força de trabalho que você tanto quer. 

Se, por exemplo, você precisa que os colaboradores estejam prontos para atuar no mês X, inicie os processos seletivos com o máximo de antecedência possível. Assim, mesmo que haja uma demora nas contratações  – o que é totalmente esperado já que tem a etapa das entrevistas, testes, fechamento das propostas, entrega de documentos e afins  – seu prazo não será impactado.

Dica 3: Invista em treinamentos

Assim como falamos sobre alinhar o tempo de contratação com o início das atividades dos funcionários temporários, é imprescindível incluir também o período de treinamento dessas pessoas no cronograma. 

No início, pode parecer que você está desperdiçando os recursos recém chegados, mas não pense assim. Uma equipe treinada e alinhada com os objetivos e metas da empresa gera menos transtorno e mais eficiência para o negócio como um todo. 

Então, ao fazer seu planejamento de contratação de mão de obra temporária, não deixe de incluir a etapa de treinamento!

Dica 4: Avalie o trabalho executado                   

Da mesma maneira que você faz com seus funcionários efetivos, avaliar o desempenho dos temporários é fundamental. Isso porque, durante essa avaliação, você poderá identificar a qualidade de cada trabalho exercido, o que pode até gerar uma contratação definitiva do funcionário. 

O trabalho temporário costuma trazer muitos talentos para empresa e a avaliação do serviço prestado vai contribuir para que você enxergue isso e possa reter essas pessoas de forma definitiva, aumentando a força de produção do time e também a qualidade. 

A tecnologia na hora de otimizar as contratações temporárias

Para finalizar, é muito bom contar com ferramentas específicas para acelerar os processos seletivos e facilitar a captação de talentos. 

Pensando nisso, o TAQE pode ser a solução ideal para suas contratações temporárias, já que aumenta em até 400% a eficiência dos processos seletivos e ainda oferece a possibilidade de se construir um banco de talentos com candidatos que já passaram por triagem e foram aprovados, facilitando a recontratação de profissionais que já performaram bem. E o melhor é que você pode agendar uma demonstração gratuita para testar todos os recursos e funcionalidades. Aproveite e solicite já seu período de testes.