fbpx

Liderar com empatia

Quando pensamos em empatia, geralmente a associamos à simpatia ou pena por outro indivíduo. Mas a ação de compreender, estar ciente e ser sensível aos sentimentos e experiências de outro indivíduo é, na verdade, uma ferramenta poderosa para liderar com sucesso.

Em outras palavras, a liderança empática é apenas uma das habilidades em sua caixa de ferramentas necessárias para que você seja bem-sucedido. A empatia é uma habilidade valiosa e transferível que está em grande demanda em todos os setores. E hoje, a liderança empática é um ativo valioso para atrair e reter talentos.

A pandemia de Covid-19 nos obrigou a analisar com atenção muitas áreas que simplesmente não estavam em nossos radares ou que ainda não estávamos prontos para enfrentar. A principal área de foco que é o tópico mais importante e quente neste momento é o trabalho remoto. 

A pandemia nos ensinou duas lições inestimáveis, que são:

  1. A produtividade não diminuiu
  2. O trabalho remoto veio para ficar

À medida que a Grande Demissão continua acontecendo ao nosso redor globalmente, os empregadores devem ser estratégicos e repensar os outros métodos e incentivos para atrair e reter talentos. Com a mudança de paradigma de trabalhar totalmente no local para trabalho remoto ou ambiente híbrido, como líderes, devemos encontrar maneiras únicas de gerar a confiança daqueles que temos a sorte de ter em nossas equipes.

Criatividade e produtividade

Uma forma única é entender que confiança e empatia geram criatividade e produtividade, mantendo nossas equipes motivadas para realizar o trabalho. Outra maneira é lembrar que, independentemente da posição, somos todos seres humanos merecedores de dignidade e respeito.

Os líderes devem ser um sistema de apoio para os membros de sua equipe e ter a capacidade inata de reconhecer quando algo está errado, incluindo possíveis problemas pessoais ou se um membro da equipe está sobrecarregado. Devemos começar olhando além de nossos próprios pontos de vista para ouvir e entender os pensamentos e sentimentos de outra pessoa sobre um assunto específico. 

Você pode aumentar o bem-estar dos funcionários simplesmente reconhecendo os estressores do trabalho e reconhecendo como eles podem afetar a saúde mental dos membros de sua equipe. Depois de ser ouvido para ouvir, você ganha confiança e ganha grande tração ao manter a conversa – junto com as preocupações levantadas – em mente ao continuar a se envolver com os membros de sua equipe.

Você também pode recomendar que o membro de sua equipe procure os serviços oferecidos por meio de seu programa de assistência ao funcionário (EAP). Os EAPs têm uma riqueza de informações em vários programas que atendem a quase todas as preocupações ou necessidades. Liderar com empatia pode gerar resultados positivos, contribuindo para resultados líquidos para a organização, como maior retenção, engajamento, inclusão e inovação.

Há um ditado popular que diz: “As pessoas vão esquecer o que você disse, as pessoas vão esquecer o que você fez, mas as pessoas nunca vão esquecer como você as fez sentir”.

Como líderes, é hora de fazermos o trabalho duro, tomando a ação real de colocar nosso pessoal em primeiro lugar, ouvi-los e, finalmente, entender que sem eles serem felizes e produtivos em seus papéis, nossas organizações estariam em suporte de vida e inevitavelmente falham.

Tradução