fbpx

4 coisas que os CEOs querem da liderança de RH

Fonte: https://www.entrepreneur.com/article/254137

Author: Joel Trammell

Muitas vezes os CEOs enxergam os líderes de RH como um profissional focado na gestão das pessoas e na conformidade da empresa. Porém, se os diretores de RH demonstrarem essas habilidades que iremos citar abaixo, eles serão vistos como líder estrategicamente valioso e orientados para os negócios.

Aqui estão quatro maneiras de um líder de RH se mostrar valiosos e estratégico para o planejamento a longo prazo da empresa.

1. Combine os recursos de talento com a estratégia da empresa

A capacidade de aconselhar o CEO no planejamento estratégico e na alocação de recursos é fundamental para o papel do RH nos negócios modernos. Os CEOs querem um executivo de RH que entenda para onde a empresa quer ir e quais talento são necessários para chegar lá rapidamente.

O CEO precisa de ajuda para determinar o número certo de recursos em todas as áreas para executar a estratégia e manter o equilíbrio em toda a organização. Pequenas mudanças no número de pessoas em uma organização podem transformar uma perda em lucro ou vice-versa. O chefe de RH pode fornecer os dados e conselhos para tornar a organização o mais eficiente possível.

2. Ajude a atrair os melhores e mais brilhantes

Os CEOs querem que o departamento de RH proativamente ajude a encontrar e contratar estrelas do setor – e não apenas colocar postos de trabalho quando ocorrer uma vaga. Preencher posições vazias não é suficiente para ter sucesso. Um verdadeiro líder de RH deve ajudar a comercializar a empresa de maneira a atrair os melhores talentos do setor. O recrutamento é um processo de vendas contínuo, e os líderes de RH de primeira linha o adotam e agregam valor.

3. Ofereça excelência no processo de integração

Os líderes de RH devem orientar as boas práticas de gerenciamento aplicando o mantra: “Não administre, mas faça treinamentos.” Eles ficam decepcionados quando o novo funcionário não contribui rapidamente.

O RH pode encerrar essa dinâmica prejudicial ao possuir o processo de integração. A integração de qualidade inclui tornar o novo contratado ciente da história da empresa e do conhecimento geral do setor, e fazer com que ele participe de reuniões com executivos-chave, além do treinamento específico para o trabalho.

Essas ações têm vários benefícios, como gerar alto desempenho, criar uma linguagem comum em toda a empresa e construir uma forte cultura por meio de experiências compartilhadas.

4. Concentre-se no envolvimento dos funcionários

A maioria das empresas não mede o envolvimento dos funcionários e muito menos o gerencia. Essa é outra área em que o executivo de RH pode e deve assumir a liderança. Ele ou ela pode:

  • Avaliar o envolvimento por meio de ferramentas como a pesquisa Q12 da Gallup .
  • Tomar medidas sobre questões rotineiras.
  • Apoiar toda a cadeia de gerenciamento nos esforços para envolver os funcionários.

É especialmente crítico para o RH treinar e dar feedback aos gerentes de primeira linha, muitos dos quais não são bem treinados e não possuem habilidades essenciais para manter os funcionários engajados e motivados.

Essas são apenas quatro das muitas áreas em que um forte líder de RH pode fornecer valor real aos negócios e recuperar sua posição legítima como consultor vital do CEO. Obviamente, o CEO também deve ser um defensor da função de RH e estar disposto a assumir um papel ativo em todas essas áreas. Escolher trabalhar para esse tipo de CEO é o primeiro passo para o sucesso de um líder de RH.